Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

what makes me (you) happy

Ser mulher, gerir uma carreira sob constante stress e, ao mesmo tempo, tentar ter uma vida saudável, nem sempre é compatível. Neste blog, partilho todos os meus truques e dicas para melhorar o dia-a-dia de quem não tem tempo!

what makes me (you) happy

Ser mulher, gerir uma carreira sob constante stress e, ao mesmo tempo, tentar ter uma vida saudável, nem sempre é compatível. Neste blog, partilho todos os meus truques e dicas para melhorar o dia-a-dia de quem não tem tempo!

30 de Março, 2019

Cheesecake de frutos do bosque sem gluten

what makes me happy

Aboli as bolachas digestivas e a manteiga da minha vida há algum tempo. As bolachas digestivas, porque são um autêntico engano para as pessoas (cheias de açúcar, quando dizem ser saudáveis), e a manteiga porque nutricialmente não acrescenta nada à nossa alimentação (podemos adicionar uma infinidade de alimentos às torradas, certo?).

 

Isto tudo para dizer que fiz as minhas próprias adaptações à típica receita de cheesecake, de forma a tornar esta sobremesa muito mais saudável e nutritiva, sem culpas, como nós tanto gostamos! 

 

IMG_20190216_174804.jpg

 

Substituí a base de bolacha e manteiga por uma mistura de frutos secos: tâmaras, passas, sementes de girassol, amendoim, linhaça e côco ralado. As quantidades dependem da espessura que quiserem que a vossa base tenha. Pessoalmente, aposto numa base espessa pois este é o meu elemento doce da sobremesa, graças à presença sobretudo das tâmaras e passas (como vão ver a seguir eu não utilizo leite condensado no cheesecake).

IMG_20190216_115337.jpg

 

IMG_20190216_115728.jpgIMG_20190216_115920.jpg

Para o creme utilizo natas com baixa percentagem de matéria gorda (cuidado com algumas versões light que, apesar de terem menos gordura, acabam por apresentar níveis de açúcar mais elevados, por isso analisem a tabela nutricional com atenção para não se deixarem enganar), queijo creme, uma tablete de chocolate (preferencialmente negro com mais de 75%, mas neste caso utilizei branco), côco ralado, folhas de gelatina e fruta (nada como utilizar fruta em vez de compotas carregadas de açucares e conservantes, certo?).

IMG_20190216_124628.jpgIMG_20190216_125221.jpgIMG_20190216_131105.jpg

 

Na maior parte das vezes, opto por morangos, e esta é a altura ideal pois estamos na época deles, mas, na sua ausência, utilizo uma mistura de frutos do bosque congelados. Neste caso, utilizei metade no creme e a restante metade no topo para decorar. Basta descongelar e triturar (os mais gulosos podem adicionar uma colher de sopa de mel).

 

Em festas de família faço com bastante frequência esta receita de cheesecake, mudando apenas o tipo de fruta, ou utilizando chocolate negro, e é sempre um sucesso, sobretudo devido à base alternativa e saudável.

IMG_20190216_174759.jpgIMG_20190216_205313.jpgIMG_20190216_174810.jpg

 

Espero ter-vos inspirado em mais uma receita! Há sempre forma de fazermos adaptações às receitas típicas tornando-as mais saudáveis e nutricionalmente mais ricas.

É tudo uma questão de escolha!